sábado, maio 15, 2010

Despojos

Os despojos deste ano, da Feira do Livro de Lisboa.

Primeiro, havia que fechar uma colecção, que teimava há uns anos em manter-se em aberto. Assim se fechará o ciclo de "Guardiães de Maser" quando ler os últimos três tomos.
Depois, o terceiro livro sobre Elric de Melniboné, de Michael Moorcock, uma das personagens mais fascinantes da literatura fantástica que, felizmente, a Saída de Emergência edita.
E por fim, coisas inesperadas vindas do stand da Tinta da China, ambos de José Carlos Fernandes, "A Metrópole Feérica" (em conjunto com Luís Henriques) e "O Que Está Escrito nas Estrelas". Era dia de aniversário e o moço da banca era conhecido, o que facilitou a aquisição (um obrigado especial ao João; e também à Carla e à minha mãe que não se importaram nada do passeio à Feira).
Já percebi que fazer planos para ir à Feira do Livro dá sempre nisto, traz-se mais do que se julgava... para quê ainda estranhar?
Boas leituras!


Mauro Bex : maurobindo

2 comentários:

salamandrine disse...

e é agora que descobres que feira vai estar aberta mais uma semana? ;)

maurobindo disse...

Sabes que eu só sei depois de toda a gente já saber... :P