sexta-feira, junho 02, 2006

SOULFIRE: Chaos Reign #0

SOULFIRE: Chaos Reign é a nova mini-série da Aspen que dá continuidade à saga Soulfire. Com o término da anterior mini Soulfire: Dying of the Light, a editora continua a apostar em épocas antigas (neste caso muito mais antiga), explorando um tempo e espaço de primórdios civilizacionais: comportamentos tribais, sociedades guerreiras em luta contínua pela sobrevivência, enquanto no ar paira um manto de morte e ameaça constante. A ver vamos como se vão desenvencilhar os humanos "voadores", nestes tempos arcaicos, tendo por companhia seres tão poderosos e majestosos como os Dragões! Novas respostas serão reveladas, numa era em que a magia ainda se encontra em estado bruto e primário, muito tempo antes de Dying of the Light (onde a magia se encontrava a desvanecer e em decadência), onde se tinha um conhecimento profundo desta. O lançamento foi no ínicio deste mês (Junho) e provavelmente chegará às bancas lusas no mês seguinte. Para os seguidores e fãs desta saga, vale a pena reservar na sua loja de BD de eleição. Deixo-vos um "docinho", as capas de SOULFIRE: Chaos Reign Beginnings, que infelizmente só estão à venda em convenções nos "States" ou no site da Aspen. Até lá, boas leituras!

Argumento: J.T. Krull
Desenho: Marcus To
Cor: Gorder & Ho


SOULFIRE: Chaos Reign Beginnings


Mauro Bex : maurobindo

3 comentários:

André disse...

no mínimo interessante :D

Ferrão disse...

Não sigo a série Soulfire...
Mas venho desejar-te boa sorte nestas andanças dos blogs de BD. Pelo conteúdo que já colocaste, este espaço parece ser bastante promissor! É sempre bom ver mais pessoal motivado para divulgar a 9ª arte neste nosso país.Boa continuação. Virei cá regularmente.

maurobindo disse...

Tenho de concordar que Soulfire não é das melhores coisas que por ai circulam... Mas o que me cativou desde o ínicio foram os Dragões! Tenho um fascínio por estas criaturas e não consigo explicar o porquê. Talvez tenha a ver com o meu gosto por dinossauros desde muito cedo. Na China o mito começou assim, quando os povos das várias regiões do país se depararam com os primeiros fósseis que lhes foram presenteados pela Natureza. Acho que comigo foi mais ou menos assim. Mas Dragões à parte, Soulfire tem um argumento muito pouco explorado, ou feito de forma superficial. Parece sempre que fica algo por contar; dá-me sempre a sensação de lacuna. Mas quanto ao desenho e cores, aí a história já é outra. Para mim o traço é bem original, e as cores são muito vivas e fortes, aproveitando os cenários de fogo e Natureza muito bem. Às vezes dou comigo um bocado entediado a ler os comics, mas o desenho prende-me sempre e motiva-me a continuar. Dou comigo a contemplar páginas por minutos. Como a BD vive disso, lá me vou aguentando por estes lados, quando a história não é tão boa.

Voltem sempre!
Abraços